IT Leader: quer continuar a ser relevante em 2020?


Caso você não tenha notado, os departamentos de TI e o CIO estão se tornando irrelevantes para muitos na empresa. Os usuários não entendem por que ele se move tão lentamente, custa muito e torna a vida de todos tão difícil. Eles estão prontos para abandonar o CIO em favor do departamento local fazendo so seu próprio trabalho.

Relevância exige dos CIOs adotar uma abordagem muito diferente daquela exigida por seus afazeres até aqui. Tentar defender e estender o antigo modelo de trabalho é o caminho para a ruína, porque os usuários simplesmente se revoltam. E hoje eles muitas vezes têm o apoio de seus CEOs – que também usam seus próprios iPhones e iPads.

Portanto, fazer as coisas como elas sempre foram feitas – muitas vezes com uma dose saudável de controle – será fatal.

Daqui a cinco anos, continuar a ser relevante vai exigir do CIO a adição de valor. E isso não significa negociar um contrato grande de fornecimento de PCs com a Dell, ou o contrato de terceirização do data center na Índia.

Isso significa:

1 – Entender o que os usuários querem – o que eles realmente, realmente, realmente querem – que é muitas vezes muito além do que eles dizem que querem. Ajude-os a definir o que seria um bonito, fácil, poderoso, sucesso ultracompetitivo, nos próximos 12 meses a partir de agora.

2 – Ser um especialista em novas ferramentas (como smartphones, tablets, mídia social, serviços de localização) – os usuários nunca devem saber mais do que você. Ser bom em tecnologias antigas é irrelevante. Esperar por novas versões de tecnologias antigas é irrelevante.

3 – Implementar novas tecnologias – Não pense em bani-las, porque você não as entende, ou porque violam antigas regras.

4 – Criar equipes que vão além do que é atual e entender o que as novas tecnologias de hoje vão oferecer em cinco anos – esqueça prever aplicações empresariais e atualizações do Windows – os usuários não se importam! Preveja e implemente novas tecnologias que proporcionem aos usuários as capacidades que querem e precisam.

4 – Desenvolver e popularizar a sua visão da empresa e como ela irá funcionar em 2020 – mostrar como o CIO, em uma economia da informação, é inestimável e pode ajudar os usuários a fazer mais do que eles imaginavam por conta própria – mais rápido e melhor.

(*) Adam Hartung é consultor especializado em inovação e autor do livro “Create Marketplace Disruption”

Fonte: CIO

Abs

Luiz

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: